Páginas

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin

domingo, 14 de março de 2010

Swedana

A terapia do Calor


Estimular o fogo sistêmico (agni) do corpo para “desgrudar” toxinas (ama) e expulsa-las pela pele através do suor é uma prática milenar e essencial na Ayurveda. Esta modalidade de terapia ayurvédica é chamada de swedana ou svedana e pode ser traduzida como a terapia do suor - conhecido popularmente como sauna.

Tanto na visão oriental quanto na ocidental, o suor é considerado uma ferramenta reguladora do corpo com função não apenas relacionada com o equilíbrio da temperatura, mas também como uma maneira de eliminar resíduos e materiais perniciosos que prejudicam o bom funcionamento do organismo. No tratamento ayurvédico, o swedana é realizado sempre após o abhyanga (massagem) e nunca como uma prática isolada, além de preconizar o uso de ervas e óleos essenciais específicos para cada pessoa e não permitir que a cabeça receba o calor ao mesmo tempo que o corpo - apenas uma modalidade permite a cabeça dentro da sauna. 

(nas imagemacima, uma modalidade de swedana)

Benefícios e indicações:

- desintoxicação da pele e do tecido gorduroso: o calor perturba e agrava o tecido gorduroso (medovahasrota) forçando que este excesso transborde e seja eliminado através do suor pela pele.
- como parte do panchakarma (processo de desintoxicação profunda de todo o corpo)
- como terapia de rejuvenecimento
- sensação de peso no corpo, sobrepeso, cansaço e letargia.
- sensação de frio provocado por resfriados e por constituição Vata
- insônia, estresse, dores de cabeça
- para eliminar o excesso dos três doshas, especialmente desequilíbrios Vata e Kapha
- apetite deficiente e digestão lenta ou ineficiente
- reumatismo e artrite
- doenças respiratórias como asma, bronquite, renite e sinusite
- dores e rigidez articulares
- hemorróidas

Água e Fogo

 De acordo com a fisiologia ayurvédica, esta combinação de elementos essenciais possuem juntos o poder de regular a forma da água chamada de kledaka-kapha, responsável pela manutenção dos líquidos que hidratam e lubrificam todas as células e tecidos do corpo, além de ser responsável pelo transporte e eliminação de resíduos corporais pelos poros da pele e por pontos de saída do corpo como alguns marmas. A água e o fogo associados tem a capacidade de dilatar e “amolecer “ os canais de transporte de resíduos do organismo, facilitando sua eliminação. Além disso, o calor do fogo é essencial para estimular o fogo interno do organismo para realizar as transformações como por exemplo o de comida em energia – por esta razão é que diz-se que o swedana ou a terapia da sauna aumenta o apetite e regula as funções digestivas.

(acima, nadi sweda - aplicação de vapor local)


(acima, sauna ayurvédica onde o corpo inteiro recebe calor e lembra muito o Temaskal)

Existem treze tipos de swedana descritos pela Ayurveda, com inúmeras variações de modalidades que vão desde a aplicação de calor local através de compressas e banhos quentes de imersão até saunas em construções elaboradas e abastecidas com madeira especial: Sankara, prasthara, Nadi, parisheka, avagahana, jentaka, kuti, ashmagna, bhu, kumbhika, karshu, holaka e kupa.
Estas modalidades podem ser classificadas em três grupos principais:

Sauna seca: karshu (é feito um buraco na terra onde é feito o fogo e quando está livre de fumaça, uma cama é colocada sobre o buraco e coberta com cobertores), kuti, bhu, holaka, kupa e ashmagna* (pedras quentes ).
Sauna com vapor: prasthara* (ervas quentes em compressas de seda ou algodão sobre o corpo), Nadi * (aplicação de vapor local com vaporizador), parisheka, avagahana, jentaka* (sauna em que a pessoa entra completamente em um ambiente contendo vapor de ervas)
Sauna local (utilizam outros materiais além de água e ervas): sankara (pinda sweda e patra potali estão incluidos), pode ser de aplicação local ou sistêmica.

A inalação e  o Ofurô também são consideradas modalidades de swedana. Na terapia do nasya por exemplo, a inalação é parte integrante do procedimento, mas também pode ser utilizada como prática independente.
* tipos de swedana que disponibilizo nos tratamentos

É importante observar algumas condições antes de realizar um swedana – principalmente na modalidade jentaka , como o tempo de tratamento ou condições de doenças agudas do paciente.

Contra indicações:
- mulheres grávidas ou após dar á luz
- mulheres que estão no período menstrual
- doenças cardíacas, doenças no escroto
- crise asmática severa
- hemorragias, ulceras
- antes ou após atividade sexual
- antes ou após refeições pesadas
- intoxicação alimentar e diarréia



Outras condições como o tempo de duração da sessão, quais ervas devem ser utilizadas e a modalidade a ser realizada, vão depender do paciente e qual o objetivo do tratamento, mas aí vão dicas muito importantes:

- nunca ultrapasse 30 minutos
-hidrate-se antes de entrar na sauna com suco de limão e evite alimentos pesados antes e depois
- se você é Pitta, passe iogurte pelo corpo antes de entrar na sauna
- tome uma ducha fria para reativar a circulação sanguínea e promover tônus muscular e nos vasos
- descanse antes de realizar outras atividades e nunca se exponha a mudanças bruscas de temperatura
- escolha óleos essenciais e ervas com propriedades mucolíticas e emolientes como eucalipto, hortelã pimenta e tomilho

(abaixo, swedana em clínica na Alemanha)



imagens:


Nenhum comentário:

Postar um comentário